terça-feira, 1 de outubro de 2013

Agora que já vamos no terceiro ano da crise...

... alguém ainda compra roupa nova no início da estação ou está tudo quieto à espera das promoções e saldos? É que eu nunca fui muito dado a devaneios e como tenho um estilo (ok, não é bem um estilo, é mais um acidente em cadeia) mais ou menos conservador, sempre esperei pelo final da coleção, mas sempre me fascinaram aquelas pessoas que estouram uma pipa de massa em roupa nova, como se não houvesse amanhã. Literalmente, não fosse dar-se apocalipse,  as lojas fecharem e terem de apresentar-se no juízo final com roupa do ano passado.

3 comentários:

Mak, o Mau disse...

As lojas andam numa espécie de saldos e promoções eternos, em que só mudam as cores dos cartazes e o estilo dos %

Quanto à roupa, creio que continuam a existir duas facções - os utilitários e os guarda-roupistas. Os primeiros consideram a roupa um investimento e, como tal, tentam maximizar rendimento/aplicação. Já os segundos acham que a crise obriga a parecer bem e a lutar com ela, peça de roupa nova a peça de roupa nova.

Basicamente, estamos na mesma.

Gado Amarrado disse...

Suponho que isso se aplica a tudo o resto resto. Venha o segundo resgate...

Anónimo disse...

VÊ-se bem que és homem.