quarta-feira, 20 de março de 2013

"A forma como estava desenhado o programa, impediu a concretização plena dos montantes de ajustamento orçamental que estavam previstos, o que naturalmente conduziu a uma tomada de medidas de consolidação orçamental substancialmente superiores ao que estava previsto."

Vítor Gaspar


autismo

nome masculino

1. MEDICINA estado mental caracterizado por uma concentração patológica do indivíduo sobre si mesmo, e pela ausência de reação a estímulos e a contactos sociais

2. predominância da vida interior; alheamento do real; ensimesmamento
(Do grego autós, «de si mesmo» +-ismo, ou do francês autisme, «autismo»)

2 comentários:

Maria D Roque disse...

Desculpa lá, mas os autistas são inteligentes, ok? ... Não viste o Rain Man, pah ? São savants e de estúpido têm muito pouco, só não são capazes de comunicar... O tal também não comunica nada de jeito, mas é surdo, cego, e estúpido que nem uma porta

Maria Luís disse...

Os autistas não são inteligentes, têm um QI como outra pessoa qualquer. Só se diz isso para dizer que intelectualmente não sofrem de quaquer alteração. Depois é a genética, como todos. Desculpe, Maria foi só uma pequena correção. O outro pode ser autista mas é mais para o esquizo pois vê coisas que ninguém vê, alucina e a genética dele também não deve ser das melhores. O pior é que parece ser contagioso.