quinta-feira, 8 de novembro de 2012

TAP acumula prejuízos de 50,3 milhões até Setembro

In Público

E são estes gajos que nos ameaçam com greves como se nos andassem a fazer um favor?

Por mim vende-se já a TAP! Aos pilotos, tripulações de cabine, pessoal de terra, do handling e quem mais por lá andar com a mania que também tem direito a um pedaço da coisa. Vende-se não, dá-se! Aviões, instalações, veículos e tudo o mais que por lá houver. Claro está, dá-se isso e a dívida.

Depois já não é comigo. Eles que se aumentem até onde bem lhes apetecer, façam os horários e períodos de descanso que acharem melhor e a manutenção que entenderem adequada. De caminho, se a malta da CP, STCP, Carris, Metro e RTP também quiser ficar com as suas empresas, contem comigo, que eu estou lá. Nem que seja necessário manifs para isso, a terra a quem a trabalha e essas merdas. Alguém mais alinha?

3 comentários:

Sílvia disse...

Voto nisso! Acrescenta os estaleiros de Viana!

Maria D Roque disse...

A TAP até daria lucro, não fora a VEM, depois a PGA e a seguir a Ground Force... e não esqueçam que o Estado não dá para lá um chavo há para aí 10 anos, e que provavelmente quando o judeu colombiano comprar aquilo, ainda vamos ter que lhe pagar qualquer coisinha... Bons negócios...

Anónimo disse...

Ai, como eu me revejo nas tuas palavras!