quarta-feira, 17 de outubro de 2012

António Borges: “Temos a enorme sorte de contar com Vítor Gaspar"


Fico na dúvida se o "temos" é para o país ou se está a falar dele e mais alguns conhecidos. É porque isso sempre explicava algumas coisas e um tipo não ficava com a ideia que o homem é uma completa nulidade.

9 comentários:

Pedro disse...

Refere-se a ele e à família pois o Gaspar já lhe disse que no Natal ia dar umas prenditas aos piquenos e levava-lhe um bolo rei e rabanadas.

RCA disse...

:)
Para quando um blog, heim? Ou já existe? É que os comentários estão cada vez melhores.

Maria D Roque disse...

Ainda hoje comentei que precisamos de rir... ora aqui está uma bela anedota... duas, na realidade...

Pedro disse...

Há pouco tempo para já e contento-me a mandar umas bocas aqui e além ou melhor, é mais aqui do que no além. Não sei se a net chega lá :))

RCA disse...

Sim Maria, fui lá hoje. Mas o seu estaminé é um bocadinho mais sério e não quero criar incidentes.

Pedro disse...

Pois é Maria,também espreitei o seu desabafo de hoje mas saí logo pois não estava de fato mas sim com uma roupinha mais de estábulo. Sou mais do tipo campo. Brincadeira e mil sorrisos para si.

Maria D Roque disse...

A sério ? Bem , talvez pensem que escrevo para velhinhas incontinentes, mas as aparências enganam ...

Buh disse...

Somos uma cambada de mal-agradecidos! É o que é!

RCA disse...

Não, nada disso, que já se fez uma leitura atenta. Corro o risco é de abandalhar a coisa. Enfim, sou daquelas pessoas que não se podem levar a todo o lado!